Todos os posts de ALU201221973

Alunos Graduacao Jornalismo ZS

Alterações climáticas já afetam a agricultura gaúcha

Os efeitos da mudança do clima no planeta já podem ser notados no Brasil, principalmente na agricultura. No Rio Grande do Sul, fatores climáticos, como temperatura e precipitação, já apontam para alterações de intensidade e acontecem em períodos específicos.

Por Gabriela Fritsch
Jornalismo Econômico / Noite

O estado do Rio Grande do Sul possui alta variabilidade dos chamados fenômenos climáticos pontuais, que são o El Niño e o La Niña, caracterizados pela precipitação e pela estiagem, respectivamente. Neste ano foi possível perceber os efeitos do El Niño em todo o país, pela quantidade de chuvas em diversas regiões. Um estudo realizado pela Fundação Estadual de Pesquisa e Agropecuária do Rio Grande do Sul (Fepagro) aponta que nos últimos anos houve uma tendência de aumento das chuvas, principalmente na primavera.

Continue lendo Alterações climáticas já afetam a agricultura gaúcha

Fashion Law: o direito na moda

Elle Woods, interpretada por Reese Witherspoon, quebra estereótipos no filme Legalmente Loira  Divulgação
Elle Woods, interpretada por Reese Witherspoon, quebra estereótipos no filme Legalmente Loira- Crédito: Divulgação.
O novo ramo de atuação do direito ainda esbarra no preconceito e falta de estudos na área, mas o aumento de demandas aponta um futuro promissor no Brasil, detentor do quarto maior parque produtivo de confecção do mundo.

Por Caroline Nunes
Jornalismo Econômico / Noite

Elle Woods, a advogada de Legalmente Loira, estaria radiante em ver um dos novos campos de atuação do Direito. O novo segmento da área jurídica abrange questões éticas e mercadológicas relacionadas à moda e reflete uma nova forma de pensar a indústria do segmento. O Fashion Law, como é chamado nos Estados Unidos, onde nasceu, é uma área que trabalha os direitos sobre os designs produzidos por grandes marcas e estilistas, além de também compreender propriedade intelectual, licenciamentos, transações entre grandes empresas, franquias, falsificações e sustentabilidade.

Continue lendo Fashion Law: o direito na moda

Entrevistar tabelas é uma das técnicas do jornalismo contemporâneo

As empresas de jornalismo já se deram conta de que vale a pena investir em uma equipe especializada em dados. Essa é uma nova área que vem mostrando muito resultado tanto nas informações, quanto na melhoria do jornalismo. Sendo assim, o blog de Jornalismo Econômico do UniRitter procurou jornalistas especializados no assunto. Maurício Tonetto, ZH, e Leonardo Foletto, UFRGS, profissionais reconhecidos, com qualificação na área, explicam como é trabalhar no meio e quais são as visões de um futuro que já começou.

Por Camila Delvaux
Jornalismo Econômico / Noite

Dificilmente o jornalismo é visto como uma profissão que dá dinheiro ou que o adolescente que presta vestibular pense: “Vou fazer jornalismo porque vou ficar rico!”. Não. Com certeza, não. Até pode ser que tenha um ou outro achando que vão ser âncoras do JN (como se isso fosse tudo), mas na maioria das vezes, as pessoas entram no jornalismo por causa dos seus valores, princípios e muita paixão.

Continue lendo Entrevistar tabelas é uma das técnicas do jornalismo contemporâneo

Vivendo com o mínimo

Foto1.
A Porto Alegrense Sílvia Regina dos Santos mostra a geladeira quase vazia- Crédito: Jean Lazarotto.
“Luxo pra mim seria uma muda de roupa nova”. Este é o sonho de consumo da auxiliar de serviços gerais de 37 anos, Sílvia Regina dos Santos Ribeiro, que além de pagar aluguel e as contas do mês, ajuda a sustentar a filha e um neto. Tudo isso com o salário mínimo de R$ 788,00.

Por Jean Lazarotto
Jornalismo Econômico / Noite

Manhã ensolarada de sábado em Porto Alegre, fui até o emprego de dona Sílvia na zona norte da capital, onde havia combinado de buscá-la para ir até sua residência no Bairro Rubem Berta. Pedi que ela indicasse o caminho e ela assentiu meio insegura, no trajeto acabamos errando uma entrada. “Estou perdida também, como sempre vou de ônibus eu nem sei direito o caminho que ele faz, volta uma que é ali”, falou, justificando-se sem jeito.

Continue lendo Vivendo com o mínimo

Voluntários da Mercocidades trabalham para combater a exploração infantil em Mega Eventos Esportivos

Foto 1
Grupo de apoio à Mega Eventos em ação no Bairro Restinga, em Porto Alegre -Crédito: Divulgação PMPA.

Projeto reconhecido pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância como iniciativa benéfica para todas as cidades pode acontecer novamente nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro.

Por Lucille Gonçalves Soares
Jornalismo Econômico / Noite

A gestão da Secretaria Executiva da Mercocidades na capital gaúcha obteve uma vitória importante que foi a inserção do GAME (Grupo de Apoio a Mega Eventos). O programa reuniu 60 voluntários do Uruguai, Argentina, Peru, Paraguai e Chile que trabalharam na prevenção de situações de abusos a crianças e adolescentes durante a Copa do Mundo de 2014, nos eventos e jogos realizados em Porto Alegre.

Continue lendo Voluntários da Mercocidades trabalham para combater a exploração infantil em Mega Eventos Esportivos

A grande potência econômica da Holanda

9-028_Rotterdam_ECT
Porto de Rotterdam, em Amsterdam, o maior da Europa – Crédito: Divulgação.

Com um PIB avaliado em US$ 891 bilhões de dólares, a Holanda é considerada um dos países que mais cresce.

Por Júlia Molina
Jornalismo Econômico / Noite

Inventores do clássico CD-ROM e do famoso anticoncepcional, os holandeses têm uma extensa lista de feitos que marcaram gerações. Porém, são modestos. O país costuma se manter bastante discreto. Um dos motivos para que sejam poucas as pessoas que reconheçam as invenções deles. Considerados a 5° maior potência econômica da Europa e o quinto maior exportador de mercadorias, o país é o 3° maior investidor no Brasil, ao lado dos Estados Unidos e a Espanha. Hoje, estão instalados no Brasil, através de uma embaixada, localizada em Brasília, dois consulados gerais em São Paulo e Rio de Janeiro e dois escritórios comerciais, em Minas Gerais e Porto Alegre.

Continue lendo A grande potência econômica da Holanda

Os bolinhos que alimentam um sonho

Bolinhos da Niki
Monique vende na faculdade as terças e quintas-feiras- Crédito: Divulgação.

Monique Pereira busca juntar dinheiro para viagem à Austrália. Jovem ainda concilia produção com faculdade de arquitetura.

Por João Pedro Zettermann
Jornalismo Econômico / Noite

Monique Pereira é um exemplo de criatividade e coragem. Após mais de um ano de relacionamento, a jovem de 19 anos viu seu namorado, Eduardo Camargo, rumar para a Austrália, onde passará 18 meses estudando. Ao invés de aprender a lidar com a saudade, ela preferiu enfrentá-la. Para isso, começou a buscar uma maneira de financiar a viagem e ir atrás dele.

Continue lendo Os bolinhos que alimentam um sonho

Profissão: Blogueira

Debb
Debb Pires, 21 anos, grava seus vídeos na sala de sua nova casa, um apartamento alugado perto do Shopping Bourbon Wallig, no conforto de uma calça de pijama rosa com bolinhas brancas – Crédito: Mariana Tripoli

A nova carreira de gravar vídeos para o Youtube e ter um blog permite a Débora Pires ter flexibilidade no horário, trabalhar em casa e ainda ganhar dinheiro com isso.

Por Mariana Tripoli
Jornalismo Econômico / Manhã

Após ser recebida por Debb de calça de pijama e maquiada, a acompanhei durante algumas horas. A blogueira estava se arrumando para uma maratona de gravação de vídeos em que apareceria sozinha e com a amiga que estava em sua casa por alguns dias. Ao sentar-se no chão da sala de seu apartamento a youtuber contou sua história de vida para o Blog de Jornalismo Econômico da Uniritter.

Continue lendo Profissão: Blogueira

Um músico que ganha a vida nas ruas do centro da Capital

Foto
Aos sábados Luan se apresenta no Shopping Center Sul, no centro da Capital- Crédito: Laís Vargas

Natural de São Paulo, Luan Richard é um jovem deficiente visual que encanta a todos com seu carisma e seu sorriso. O maior sonho do músico é construir um estúdio de gravação e comprar instrumentos melhores para compor e gravar seus trabalhos. Em entrevista para o blog de Jornalismo Econômico da UniRitter, Luan conta como vive com o dinheiro que ganha da música.

Por Laís Vargas
Jornalismo Econômico / Noite

Quem passa diariamente pelas ruas do centro de Porto Alegre, encontra milhares de pessoas, entre elas, ambulantes, floristas, vendedores de diversos tipos de mercadorias e também os músicos. Entre eles está o Luan Richard, um jovem deficiente visual, que ganha a vida cantando e encantando a todos com sua voz tão doce e ao mesmo tempo tão marcante.

Continue lendo Um músico que ganha a vida nas ruas do centro da Capital

Jambô, uma empresa de RPG familiar e pop

Jambô
Entre loja, salão de jogos, cafeteria e editora, a empresa Jambô busca proporcionar ao seu público uma experiência única em cada visita- Crédito: Guilherme Wunder.
Para quem mora em Porto Alegre e passa pela rua Sarmento Leite, no centro da capital, fica difícil não avistar a loja Nerdz, que chama a atenção de quem passa pela sua arquitetura, que lembra os castelos medievais, e também pelo movimento constante do estabelecimento. E foi buscando conhecer um pouco do encanto que a Nerdz tem que o blog de Jornalismo Econômico da Uniritter foi até lá, para conhecer a empresa Jambô, conhecida pela linha de RPG Tormenta.

Por Guilherme Wunder
Jornalismo Econômico / Noite

Em um bate-papo na cafeteria da loja Nerdz, Guilherme Dei Svaldi nos apresentou toda a história da marca Jambô, desde o seu início, no começo dos anos 90, até o que a empresa se tornou hoje. Enquanto conversamos, o proprietário da empresa conta que tudo começou como algo mais familiar e de nicho, mas que hoje esse é o sustento de todos, pois a crise não afetou tanto o número das vendas da loja, mas sim a publicação de novos trabalhos. “Nossa média de crescimento nos últimos cinco anos foi de 30%, isso tirando os descontos da inflação. Isso mostra como estamos crescendo e nos consolidando nesse mercado”, ressalta Guilherme.

Continue lendo Jambô, uma empresa de RPG familiar e pop