O tão sonhado imóvel pode virar um pesadelo

Estudante de jornalismo relata dificuldades que teve durante compra de imóvel na planta
Estudante de jornalismo relata dificuldades que teve durante compra de imóvel na planta

A aquisição de imóveis na planta requer pesquisa criteriosa por parte do comprador para evitar problemas com atraso na entrega e reajustes não previstos em contrato.

Por Anderson Furtado
Jornalismo Econômico / Noite

Muitas pessoas sonham com sua moradia própria, mas este sonho pode virar um pesadelo. Existem muitos asteriscos em letra miúda que não são falados na hora da compra. Até minutos antes da assinatura do contrato tudo parece estar ok, porém depois da assinatura, se você não prestar bem atenção, poderá enfrentar diversos obstáculos, e até perder o imóvel. É preciso pesquisar muito antes para não ser passado para trás. Continue lendo O tão sonhado imóvel pode virar um pesadelo

Retromarketing é tendência ou não?

Genius foi relançado pela Estrela - Crédito: Estrela/Divulgação
Genius foi relançado pela Estrela – Crédito: Estrela/Divulgação
Hoje em dia é cada vez mais fácil encontrar seguidores do “passado atual”. Seria essa a nova forma de consumir produtos?

Por Leonardo Pujol
Jornalismo Econômico / Noite

A marca de brinquedos Estrela relançou recentemente diversos produtos que foram sucesso de vendas nos anos 1980. O Genius – jogo em que o usuário deve acertar uma sequência de cores na ordem correta –, por exemplo, voltou ao mercado em 2012. A Nike, patrocinadora do Corinthians, lançou uma nova camisa baseada no modelo de 1971 do clube – estratégia que agradou aos torcedores. A Janiero Body of Colours, fabricante de lingeries com modelagens antigas, faturou só no ano passado R$ 350 mil – com a certeza de que o sucesso está resguardado na moda das décadas passadas.  Continue lendo Retromarketing é tendência ou não?

O sonho pode estar próximo

Você já parou para pensar que aquela vontade de ter seu próprio negócio pode estar mais perto do que você imagina? Conheça a história de Priscilla Marques e Catia Sagaz, que de funcionárias passaram a donas do próprio negócio.

Priscilla e Catia se tornaram donas do próprio negócio. A realização de um sonho. Crédito: Camila Arosi
Priscilla e Catia se tornaram donas do próprio negócio. A realização de um sonho. Crédito: Camila Arosi

Por Camila Arosi
Jornalismo Econômico / Manhã Continue lendo O sonho pode estar próximo

O modelo ideal de sustentar o hobby

Renato e Recieri: pai e filho são caçadores de relíquias – Crédito: Arquivo pessoal
Colecionador porto-alegrense compra e depois revende itens para financiar a paixão por objetos antigos

Por Leonardo Pujol
Jornalismo Econômico / Noite

Desde “sempre”, Ricieri Cunha cultua verdadeira paixão por tudo que envolve carros antigos. Coleciona placas, miniaturas e chaveiros – tudo que faz alusão ao seu gosto –, além de ter um Opala 1972, há dez anos. Morador de Porto Alegre, o analista de frota, hoje com 27 anos, rememora que o apreço por objetos de época foi surgindo ao longo da infância e adolescência. Uma paixão que parece estar no DNA da família. Continue lendo O modelo ideal de sustentar o hobby

Pelo bem da comunidade e da comunicação

Reunião de planejamento da rádio Ipanema Comunitária de Porto Alegre - Crédito: Divulgação
Reunião de planejamento da rádio Ipanema Comunitária de Porto Alegre – Crédito: Divulgação

Mesmo com dificuldades financeiras, rádios comunitárias procuram informar seus ouvintes com cultura, notícia e entretenimento.

Por Lucas Lautert
Jornalismo Econômico / Noite

Existem canais de televisão, emissoras de rádio e sites para todo o tipo de preferência imaginável. Há canais só de notícias, canais só para crianças assistirem seus desenhos animados e outros ainda mais segmentados como aqueles que contam a vida de tudo que é animal conhecido pelo homem.

E não é diferente nas emissoras de rádio. Uma toca apenas Samba enquanto a outra roda só o clássico Rock’n Roll. Aí faço a seguinte pergunta: e se você quisesse saber as notícias, informações culturais e dicas de entretenimento do seu bairro? Aqueles comunicados que vão fazer uma real diferença no dia a dia da sua vida? Aquele aviso que seduz você a sair de casa e andar alguns minutos para participar e prestigiar algum evento? A resposta é simples, porém não muito conhecida: rádios comunitárias. Continue lendo Pelo bem da comunidade e da comunicação

O mercado da ficha rosa

Diversos sites oferecem abertamente o serviço de “ficha rosa” para eventos
Diversos sites oferecem abertamente o serviço de “ficha rosa” para eventos
Em grandes feiras um serviço paralelo floresce: o mercado da ficha rosa. São mulheres e homens que trabalham como recepcionistas em estandes e aceitam fazer programas após o expediente. Nesta reportagem, pessoas envolvidas contam como funciona este trabalho informal e o constrangimento que gera entre a maioria dos profissionais que trabalha em eventos. Pesquisadora avalia as implicações desta prática do ponto de vista das Ciências Sociais. E o Ministério Público do Rio Grande do Sul informa: o agenciamento deste serviço é crime.

Por Liliane Pereira
Jornalismo Econômico / Manhã

No mercado de feiras e eventos existe um jargão, utilizado pelas produtoras, que sinaliza se o profissional contratado aceitará ou não fazer programas sexuais com clientes. É a ‘ficha rosa’ para mulheres e a ‘ficha azul’ para homens. Uma prática conhecida no meio, mas que causa constrangimento aos profissionais. As frases “faço ficha rosa” ou “contrato ficha rosa” são abertamente anunciadas em redes sociais por empresas, que dizem não agenciar os programas. Continue lendo O mercado da ficha rosa

O valor da realização de um sonho

Presente no mercado há 36 anos, a Escola de Equitação Cristal faz parte da história de Porto Alegre. Para seus proprietários o negócio bem sucedido significa a possibilidade de formar bons cidadãos por meio do hipismo

A Escola de Equitação Cristal foi palco da 6 etapa da Liga das Escolas Hípicas do RS. Crédito: Dóris Brack
A Escola de Equitação Cristal foi palco da 6 etapa da Liga das Escolas Hípicas do RS. Crédito: Dóris Brack

 Por Renata Scheidt
Jornalismo Econômico / Manhã Continue lendo O valor da realização de um sonho

Da comida ao petróleo

Mesmo atarefado no seu restaurante em Porto Alegre (RS), Adriano Zambiasi fica atento ao andamento das ações no mercado financeiro – Crédito: Vinícius Moresco
Dono de um restaurante e de uma pizzaria em Porto Alegre, o empresário Adriano Zambiasi aplica seu dinheiro em ações da Petrobras. Nem a crise na estatal fez com que parasse de investir na empresa.

Por Vinicius Moresco
Jornalismo Econômico / Noite

Repor o arroz do buffet. Mais massa. Falta peixe. O ovo frito que o cliente pediu ainda não chegou… Quem observa o andar apressado de Adriano Zambiasi durante o período de almoço no restaurante Etruria, em bairro nobre de Porto Alegre, pode pensar que estas são suas únicas preocupações no momento. Porém está enganado. Continue lendo Da comida ao petróleo

Estagnação ameaça comércio da Azenha

Azenha1
Entrada da tradicional região comercial da Azenha em Porto Alegre (RS) – Crédito: Kyane Sutelo

Falta de investimentos em segurança e infraestrutura barram crescimento econômico da região, que é tradicional em lojas populares

Por Kyane Sutelo
Jornalismo Econômico / Noite

Quem transita entre as dezenas de lojas populares na avenida da Azenha não imagina que tudo ali partiu de um único homem. Na metade do século XVIII, chegava à Porto Alegre um açoriano, que com a compra de uma máquina de moer trigo, chamada de azenha, criaria o primeiro negócio da região. Com o tempo, o empreendimento do seu Francisco Antônio da Silveira foi crescendo e a via se expandindo, o que culminou na criação de um dos bairros mais tradicionais do comércio da capital gaúcha. Continue lendo Estagnação ameaça comércio da Azenha

Vaquinha online auxilia na arrecadação de dinheiro

Nos primeiros quatro anos, o site Vakinha ajudou a arrecadar mais de R$ 5 milhões
Há alguns anos para arrecadar dinheiro as pessoas colocam em prática as famosas “rifas” e com o dinheiro obtido mantinham suas economias para finalmente realizar seu objetivo. Agora esse método pode acontecer virtualmente. O site Vakinha é a nova solução.

Por Jenifher Mello
Jornalismo Econômico / Noite

No ar desde janeiro de 2009, o site Vakinha (RS) possui atualmente 600 mil membros. Nos primeiros quatro anos de existência, o serviço, criado em Porto Alegre (RS), já ajudou a arrecar R$ 5 milhões. Saiba como funciona. Continue lendo Vaquinha online auxilia na arrecadação de dinheiro