Arquivo da tag: Porto Alegre

Qual o futuro de Porto Alegre para os próximos quatro anos?

Porto-alegrenses voltam às urnas no dia 31 de outubro para decidir novo prefeito - Crédito: Agência Brasil
Porto-alegrenses voltam às urnas no dia 30 de outubro para decidir novo prefeito – Crédito: Agência Brasil

O caminho econômico de Nelson Marchezan Júnior e Sebastião Melo pode definir com planos e propostas o rumo da cidade nos próximos anos em uma eleição marcada por surpresas.

Por Mariana Pacchioni
Jornalismo Econômico / Noite

Os dois candidatos mais votados em Porto Alegre no dia dois de outubro têm uma tarefa desafiadora pelos próximos dias: convencer a desacreditada população porto-alegrense que dias melhores virão. A corrida eleitoral de 2016 na capital gaúcha assemelha-se à final de um campeonato de futebol: a genialidade de um jogador pode mudar o rumo da competição. Isso porque os dois candidatos terminaram o primeiro turno realizado no dia 2 de outubro com quatro pontos de diferença. Porém, o empate técnico veio com a surpresa da liderença de Nelson Marchezan Júnior, do PSDB. Do outro lado, Sebastião Melo, do PMDB, vice do atual prefeito da cidade, José Fortunati, tenta resgatar o eleitorado.

Continue lendo Qual o futuro de Porto Alegre para os próximos quatro anos?

Um músico que ganha a vida nas ruas do centro da Capital

Foto
Aos sábados Luan se apresenta no Shopping Center Sul, no centro da Capital- Crédito: Laís Vargas

Natural de São Paulo, Luan Richard é um jovem deficiente visual que encanta a todos com seu carisma e seu sorriso. O maior sonho do músico é construir um estúdio de gravação e comprar instrumentos melhores para compor e gravar seus trabalhos. Em entrevista para o blog de Jornalismo Econômico da UniRitter, Luan conta como vive com o dinheiro que ganha da música.

Por Laís Vargas
Jornalismo Econômico / Noite

Quem passa diariamente pelas ruas do centro de Porto Alegre, encontra milhares de pessoas, entre elas, ambulantes, floristas, vendedores de diversos tipos de mercadorias e também os músicos. Entre eles está o Luan Richard, um jovem deficiente visual, que ganha a vida cantando e encantando a todos com sua voz tão doce e ao mesmo tempo tão marcante.

Continue lendo Um músico que ganha a vida nas ruas do centro da Capital

Praça da Alfândega: música como sustento

Charles Busker 3
Charles cantando na Praça da Alfândega – Crédito: arquivo pessoal.

Natural de Canguçu, cidadezinha no sul do estado, Charles Busker mostra seu talento nas ruas da Capital gaúcha. Cantor que vive da música, em 2011 começou a venda de seus Cd’s por R$ 10 cada um.

Por Juliana Bernardon
Jornalismo Econômico / Noite

Pessoas caminhando de um lado para o outro, umas com tanta pressa que nem olham o que está acontecendo em sua volta, outras analisam tudo. Algumas atrasadas para um compromisso, outras indo para o trabalho e algumas simplesmente passeando. Sol, chuva, frio e calor, não importa isso se repete todos os dias no centro de Porto Alegre. No meio de tudo isso uma praça, a Praça da Alfândega, que virou palco para o rock’n’roll e o responsável pelo show é o cantor Charles Busker. Praticamente todos os dias tocando e cantando na praça, no início conseguia em torno de R$ 400 por semana, mas hoje é diferente, ele e sua esposa, Letícia Busker, 27, vivem da música e criam sua filha, Scarlett, de sete meses.

Continue lendo Praça da Alfândega: música como sustento

Brechó das camisetas de futebol e do chopp gelado

fotoabertura
Brechó do Futebol, localizado na Rua Fernando Machado, 1188, no Centro Histórico, em Porto Alegre – Crédito: divulgação

Três amigos e a vontade de criar um local onde fãs de futebol pudessem assistir aos jogos de seu time, tomar uma cerveja gelada e de quebra adquirir camisetas de diversos clubes do mundo. Assim surgiu o Brechó do Futebol, bar temático para fãs do esporte mais assistido no Brasil.

Por Rafaela Amaral
Jornalismo Econômico / Noite

Nenhum cliente no bar. Na loja, um ou outro. Era fim de tarde de uma quarta-feira muito chuvosa de agosto e, com uma garrafa de água na mão, André Damiani, 32 anos, formado em Direito pela PUCRS, contou para a reportagem do Blog de Jornalismo Econômico da UniRitter como é administrar o Brechó do Futebol, bar temático para fãs do esporte mais visto no País.

Continue lendo Brechó das camisetas de futebol e do chopp gelado

A máfia dos celulares

Máfia dos celulares
Integrantes da máfia são abordados pela brigada militar no Camelódromo- Crédito: imagem cedida pela Polícia Civil.
Em média, 15 ocorrências de roubos a celulares são registradas, por dia, em Porto Alegre, boa parte efetuados por grupo que já identificado pela polícia. O mercado ilegal de vendas de celular só aumenta na capital gaúcha.

Por Francine Silveira
Jornalismo Econômico / Noite

A necessidade do uso de aparelhos digitais e smartphones de última geração movimenta uma indústria gigantesca, o mercado clandestino. Neste universo, aparelhos roubados são revendidos por preços abaixo do que são oferecidos nas lojas. O número de roubos a celulares aumenta gradativamente, mas depois que a situação ocorre, o que acontece com eles?

Continue lendo A máfia dos celulares

Alimentos sem glúten incentivam bons negócios

Alimentos com glúten
O glúten é encontrado nas massas, farinha de trigo e biscoitos. Crédito: Lucille Soares.

Portadores da doença celíaca e pessoas que buscam por novas dietas e mudanças no hábito alimentar são os responsáveis pelo crescimento deste mercado.

Por Lucille Gonçalves Soares
Jornalismo Econômico / Noite

 A procura por alimentos sem glúten está se tornando cada vez mais comum. Nestes últimos anos, no Brasil, surgiram diversos novos negócios para atender a essa demanda, de lojas de produtos naturais a restaurantes que servem comida 100% livre de glúten.

Continue lendo Alimentos sem glúten incentivam bons negócios

Porto Alegre e o menu vegano

Espaço físico do La Rouge Bistrô, localizado no bairro Mont'Serrat
Espaço físico do La Rouge Bistrô, localizado no bairro Mont’Serrat em Porto Alegre- Crédito: Divulgação.

A ideologia dos veganos é acreditar que não se deve basear a existência humana na exploração animal. Porto Alegre oferece uma diversidade de opções e é pioneira em vários segmentos da linha vegana. Atualmente, a capital tem oito restaurantes 100% veganos, quinze com essas opções e mais de trinta estabelecimentos que oferecem este tipo de refeição no cardápio.

Por Júlia Molina
Jornalismo Econômico / Noite

Há quem diga que os “veganos” (pessoas que aboliram completamente o consumo de qualquer subproduto animal, incluindo carne, leite e mel) passam fome, comem sempre as mesmas coisas. Mas estão totalmente enganados. Criado em 1944, na Inglaterra, por Donald Watson, o movimento vegano têm ganhado bastante espaço pelo mundo e também no Brasil. Nos últimos anos, pessoas de diferentes culturas e costumes vêm aderindo à dieta. As razões variam entre os direitos dos animais, a busca por um estilo de vida mais natural ou por questões de restrições alimentares. O veganismo já é tendência em diversos países, inclusive nos Estados Unidos, e mesmo diante da crise, vem apresentando crescimentos.

Continue lendo Porto Alegre e o menu vegano

Nem a crise nos separa

Noivas
Apesar da crise, casais estão concretizando o sonho de se casar. Crédito: Agência Doc Photos.

A costureira e dona do seu próprio negócio Salete Brito revela que mesmo com a crise atual no mundo as noivas não deixam de realizar o vestido ideal. Porém, são os noivos que perdem o sono. No centro de Porto Alegre, Dona Salete consegue fazer milagre com os tecidos para poder alcançar o seu sonho e das noivas também.

Por Camila Delvaux
Jornalismo Econômico / Noite

Com oito meses de antecedência começa a se planejar o tão esperado vestido de noiva da maioria das clientes de Salete. Este tempo é delimitado em função de como a noiva gostaria que fosse o seu vestido, porém, ainda mais importante, o tempo serve para diminuir o valor das parcelas e não pesar no bolso de quem vai bancar.

Até o mês de Setembro as porto-alegrenses têm registrado em cartório o maior número de casamentos da cidade com relação a outras regiões do estado, segundo dados do cartório da 2º zona de Porto Alegre. Do ano de 2014 para cá o número de casamentos aumentou cerca de 35%. A curiosidade é sobre a idade dos casais, que está diminuindo. Nesta mesma época do ano passado a faixa etária dos cônjuges era de 28 a 35 anos, e hoje é de 24 a 28. Como será que esses jovens adultos se organizam e se planejam para realizar um sonho quando a preocupação da maioria das pessoas é reduzir os gastos?

Continue lendo Nem a crise nos separa